Plano Água

Construtora Camargo Corrêa quer reduzir sua pegada hídrica em 20%

Quarta, 04 de Setembro de 2013, às 17:31
Com as ações implantadas, cerca de 15% do consumo anual de água pode ser reduzido a médio prazo Com as ações implantadas, cerca de 15% do consumo anual de água pode ser reduzido a médio prazo

Buscando uma gestão sustentável da água em seus empreendimentos, a Construtora Camargo Corrêa lançou o Plano Água. Iniciativa inédita na área da construção civil, o documento tem como objetivo reduzir em 20% a pegada hídrica da empresa até 2020.

"A meta envolverá várias ações, de desenvolvimento de novas tecnologias ao maior reúso e tratamento de água para fins industriais", diz Dalton Avancini, presidente da Construtora. O plano de gestão estratégica hídrica, certificado por uma auditoria internacional, prevê metas anuais de diminuição do uso de água nas obras próprias. Além disso, a iniciativa visa promover ações sociais para otimização da gestão e uso da água junto às comunidades, instâncias públicas e privadas atuantes no entorno dos negócios da empresa.

Para alcançar os objetivos, o Plano Água trabalha com três cenários distintos nos quais os empreendimentos da Construtora estão inseridos.

O primeiro é o de escassez, visto em zonas urbanas, em que o recurso é cada vez mais difícil de ser captado e exige maior uso de sistemas de captação de chuva e reúso de água. No segundo está o cenário de abundância, como nas regiões em que são construídas barragens de hidrelétricas, aonde o esforço será direcionado para os processos de fabricação de concreto com menor consumo de água e tratamento de efluentes dos refeitórios. No terceiro, o cenário é de conflito, visto em áreas da África, onde é preciso cuidado para que sejam criadas soluções para reduzir ao mínimo possível a interferência nos sistemas hídricos locais.

"O plano firma o nosso compromisso com a busca contínua por novas práticas e tecnologias sustentáveis alinhadas ao negócio da engenharia e construção, além de trabalhar para a conscientização dos profissionais e das comunidades, visando contribuir para a melhoria de infraestrutura e segurança hídrica das nossas regiões de atuação", afirma Kalil Farran, gerente Executivo de Sustentabilidade e Comunicação Externa da E&C.