Tempo de Empreender

Pequenos produtores rurais inauguram unidade de processamento vegetal em Bodoquena

Quinta, 28 de Maio de 2015, às 18:18
A iniciativa visa aumentar a renda dos membros da associação e fortalecer o espírito empreendedor A iniciativa visa aumentar a renda dos membros da associação e fortalecer o espírito empreendedor

No mês de maio, às vésperas de completar 35 anos, o município de Bodoquena, em Mato Grosso do Sul, celebrou a inauguração da unidade de processamento agroindustrial da Associação dos Pequenos Produtores Rurais de Morraria do Sul. A iniciativa, que beneficia 36 famílias de agricultores da associação, faz parte do projeto Tempo de Empreender, realizado pelo Instituto Camargo Corrêa (ICC), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), InterCement, Prefeitura Municipal de Bodoquena, Instituto Meio e Agraer. Com 99,50 m², a unidade tem como foco a mandioca e a abóbora descascadas e embaladas a vácuo.

O objetivo do projeto é aumentar a renda dos membros da associação e fortalecer o espírito empreendedor por meio de duas atividades. "A construção e implantação de uma unidade de processamento vegetal, que acabamos de inaugurar. E a produção de hortaliças orgânicas para fornecimento a programas governamentais, como o Programa Nacional de Alimentação Escolar ou o Programa de Aquisição de Alimentos da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), em uma horta de um hectare que produz desde fevereiro", explica Ira Helal, gestora de Projetos do Instituto Meio, parceiro executor.

Segundo a analista de Investimento Social em Plantas, do ICC, Jordânia Furbino, são muitos os resultados da iniciativa, e a articulação dos produtores com diversos atores e o fortalecimento da comunidade do distrito da Morraria do Sul são destaques. "A festa de inauguração, por exemplo, foi realizada de forma participativa e cada um contribuiu com algum detalhe. Era possível perceber no rosto de cada produtor o orgulho e a sensação do dever cumprido e de pertencimento".