Fonte de renda

Produtores de mel inauguram casa de beneficiamento em Santa Catarina

Terça, 29 de Janeiro de 2013, às 13:22
Mel é alternativa de renda para agricultores familiares da região Mel é alternativa de renda para agricultores familiares da região

Os produtores rurais de São Carlos, SC, agora contam com a Casa do Mel, inaugurada na última quinta-feira, 24 de janeiro. No estabelecimento, os apicultores vão processar e armazenar o mel produzido na região de acordo com as exigências da Vigilância Sanitária, o que permitirá a comercialização do produto em larga escala. A Casa do Mel é resultado do projeto Tempo de Empreender – Apicultura, uma iniciativa do Instituto Camargo Corrêa, por meio do programa Futuro Ideal, e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A unidade de São Carlos conta com o maquinário necessário para a centrifugação (extração), decantação e envase do mel em baldes ou bombonas. "A capacidade de produção é muito grande e o objetivo é chegar a 25 toneladas por ano", afirma o consultor do projeto, Nilson Kilpp. A Casa do Mel segue as orientações do Ministério da Agricultura para uma "casa de relacionamento", onde o produto é extraído, colocado em recipientes maiores para depois ser embalado em local adequado, que pode ter inspeção municipal, estadual ou federal.

Segundo Kilpp, a casa poderia atender toda a região, mas como o deslocamento do produtor até a casa com os favos é difícil o projeto também prevê a construção de outra Casa do Mel no município vizinho de Águas do Chapecó. As obras devem iniciar em fevereiro.

"O projeto Tempo de Empreender apoiou a readequação das colmeias, já que a maior parte das utilizadas pelos agricultores eram antigas e fora do padrão, forneceu capacitação para o manejo das abelhas e também em planejamento e gestão do negócio", explica Jair Resende, coordenador do programa Futuro Ideal.