Carta da Sustentabilidade

2006

A Construções e Comércio Camargo Corrêa incorpora a Reago, que se torna uma de suas marcas de atuação. Referência em seu setor, a Reago introduziu no País o bloco de concreto estrutural, a tecnologia de construção em alvenaria armada, as lajes alveolares protendidas e os painéis estruturais de fechamento em concreto.

A Santista Têxtil e o grupo espanhol Tavex anunciam sua fusão em 7 de março. Surge assim o maior fabricante de denim do mundo, com 12 fábricas espalhadas por três continentes – Europa, África e Américas – e uma capacidade instalada de produção da ordem de 1.500 milhões de metros de tecido a cada ano.

Em 14 de março, é inaugurada a nova sede do Centro de Soluções Compartilhadas (CSC), na cidade de Americana (SP).

Realizado em 12 de abril o primeiro workshop interno sobre responsabilidade social e a sua relevância para os negócios do grupo.

Concluída, em 18 de maio, a reestruturação dos negócios da Santista Têxtil no Brasil, que teve início dois anos antes. A empresa passa a operar com três subsidiárias: Santista Têxtil Brasil S.A., Santista Têxtil Argentina S.A. e Santista Têxtil Chile S.A.

A Bradespar deixa a VBC Participações, controladora da VBC Energia, em 10 de agosto. Os grupos Votorantim e Camargo Corrêa passam a deter, cada um, 50% das ações.

A Carta de Sustentabilidade é aprovada em 31 de agosto, durante workshop, com a participação de 37 pessoas, entre conselheiros, acionistas e executivos. O documento estabelece diretrizes para que a ação econômica do grupo Camargo Corrêa contribua com a equidade social e o equilíbrio ambiental.

O executivo Vitor Hallack assume, em 1º de setembro, a presidência do Conselho de Administração da Camargo Corrêa S.A.

A Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI) protocola, na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), em 29 de setembro, pedido de registro de companhia aberta. A abertura do capital ocorreria em 31 de janeiro do ano seguinte.

Também em 29 de setembro, o trabalho "Por Dentro da Operação Gabi" – em que a Camargo Corrêa relata o desenrolar do processo de aquisição da Loma Negra – recebe o prêmio Análise-FIA de Comércio Exterior, concedido pela Análise Editorial em parceria com a Fundação Instituto de Administração (FIA), ligada à Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP. A Operação Gabi foi assim batizada em homenagem à ex-tenista argentina Gabriela Sabatini.

A Construções e Comércio Camargo Corrêa assina, em outubro, dois contratos com o governo de Angola, no valor total de US$ 72 milhões. A empresa brasileira é encarregada de reurbanizar o sistema viário de Porto de Boa Vista, na capital Luanda, e recuperar um trecho de 84 quilômetros da Rodovia Lubango–Benguela, que liga o país à Namíbia.

O Grupo Camargo Corrêa é o 22º maior do País por patrimônio líquido, de acordo com a revista Balanço Anual, da Gazeta Mercantil. Além de subir quatro posições no ranking geral, entre 2004 e 2005, ocupa o sexto posto na lista dos maiores conglomerados privados não financeiros.

A Alpargatas comemora, em outubro, o recorde absoluto de vendas das sandálias Havaianas: 16 milhões de pares, sendo 13,7 no mercado interno e 2,3 milhões exportados.

A Camargo Corrêa S.A. é certificada como Empresa Cidadã, em 31 de outubro, por elaborar seu Balanço Social dentro das normas estabelecidas pelo Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Rio de Janeiro (CRC-RJ) em conjunto com a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) e a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ).

Em 6 de novembro, graças à Camargo Corrêa Cimentos, o grupo eleva de 7,6% para 11,6% sua participação no capital votante da Usiminas. Por conta disso, sobe de 14,4% para 18,1% sua parcela no bloco de acionistas controladores da siderúrgica.

A Alpargatas e a Santista são destaques na nona edição de As Empresas Mais Admiradas do Brasil, da revista Carta Capital, conquistando os primeiros postos nos setores de fiação e tecelagem e de artigos esportivos, respectivamente. A votação, coordenada pelo instituto InterScience, envolveu 2 mil executivos de mais de 600 empresas.

O Diário de Pernambuco, o jornal mais antigo da América Latina, premia a Camargo Corrêa, em 7 de novembro, pelo empreendedorismo de seus projetos e as obras de infraestrutura. A construção do Estaleiro Atlântico Sul, no Complexo Industrial de Suape, as obras da primeira fase da Via Mangue e a duplicação da BR-101 são alguns dos destaques.

Em 23 de novembro, a Cosipa entrega à CAVO Serviços e Meio Ambiente o prêmio Melhor Fornecedor de 2006. Atualmente, mais de 500 homens da CAVO atendem à Cosipa.

Novembro marca também o lançamento do primeiro empreendimento da Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI) no Litoral Norte de São Paulo. O condomínio Península de São Lourenço, assinado pelo arquiteto Ricardo Julião, terá 60 unidades distribuídas em duas torres residenciais de frente para o mar.

A Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB) entrega à Construções e Comércio Camargo Corrêa o prêmio Destaque de Comércio Exterior, na categoria Internacionalização de Empresa, no setor de serviços. A cerimônia de premiação ocorre em 1º de dezembro, durante o 26º Encontro Nacional de Comércio Exterior (ENAEX).

A Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI) lança, em 13 de dezembro, um bairro planejado com cerca de 390 mil metros quadrados no Jardim Sul, Zona Sul de São Paulo. O empreendimento, o 11º da CCDI, prevê a construção de três torres residenciais, além de ruas arborizadas, praças, viveiros e trilhas, entre outros itens.

Em 14 de dezembro, a Camargo Corrêa eleva de 39,45% para 42,9% a sua participação no capital total da Alpargatas, mediante a aquisição de ações em poder da Previ, o fundo de pensão do Banco do Brasil.

A Camargo Corrêa Metais é a primeira produtora de silício do País a ter seu Sistema de Gestão Ambiental certificado pela norma ISO 14001, do American Bureau of Shipping (ABS).

A CAVO instala na fábrica de correias da Goodyear, em Santana do Parnaíba (SP), sua primeira estação compacta de tratamento de esgoto e efluentes. O equipamento consome menos energia e demanda apenas 25% do espaço ocupado por estações produzidas pela concorrência.

O artista plástico Alex Cerveny assina uma série limitada de 1 mil pares das sandálias Havaianas. Os recursos arrecadados com a venda são destinados integralmente à Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer (TUCCA).

A Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR) assina o primeiro contrato de Parceria Público-Privada (PPP) no País, para assumir, em consórcio, a operação e manutenção da Linha 4 do Metrô de São Paulo. A CCR será responsável também pelo fornecimento dos trens, equipamentos e sistemas de sinalização e controle da Linha 4, que terá 12,8 quilômetros e capacidade para transportar cerca de 900 mil passageiros por dia.

O Comitê de Conselho Consultivo Estratégico da Fundação Loma Negra aprova, em dezembro, o financiamento de 21 projetos realizados por 51 organizações que trabalham para o desenvolvimento social de jovens entre 15 e 24 anos. Cerca de 2.500 jovens de cinco cidades argentinas serão beneficiados pela iniciativa.

A terceira maior ponte do País começa a ser construída pela Camargo Corrêa. Com 3,5 quilômetros de extensão, a obra ligará Manaus a Iranduba, no Amazonas, beneficiando sete municípios da região. O projeto, orçado em R$ 574 milhões, prevê ainda a construção de complexo viário nas duas cabeceiras do Rio Negro, com um total de oito quilômetros de acessos.

A marca Locomotiva, da Alpargatas, fecha o ano com vendas de 16 milhões de metros quadrados de lona, 14% mais que em 2005.